Nota de Esclarecimento

SEGUNDA-FEIRA, 3 DE JUNHO DE 2013
 
 
A UNIESP tem buscado o diálogo construtivo com o Ministério da Educação (MEC) para aprimorar os mecanismos de controle, gestão e ampliação do programa FIES em suas 110 faculdades e dois centros universitários. Atualmente, somos mais de 125 mil alunos e quase nove mil funcionários, entre professores e administrativos, com presença em doze estados brasileiros. Graças ao empenho e dedicação de nossa comunidade, depois de 15 anos de existência formamos um dos mais importantes grupos educacionais do país, concorrendo em condições de igualdade com gigantes mundiais da educação. Temos orgulho de ser 100% brasileiros. Por isso mesmo, estivemos entre os primeiros grupos de ensino privado que aderiram ao Prouni – Programa Universidade Para Todos – e ao FIES – Fundo de Financiamento Estudantil.

O despacho da Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior do MEC, publicado no Diário Oficial da União (31 de maio de 2013, seção 1, págs. 26 a 28, leia aqui), será integralmente cumprido porque atende aos nossos anseios de colaborar para o aperfeiçoamento da mais importante política pública de ensino superior da história do Brasil: o FIES. Foi a partir de sua criação, em 2010, ainda no governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que o jovem brasileiro de baixa renda começou a ter de fato a oportunidade de sonhar com um futuro melhor e mais digno. Já sob o governo da presidenta Dilma Roussef, o FIES vem sendo melhorado para atender às dificuldades e novas questões que surgem naturalmente no processo cotidiano de implementação do programa.

É justamente a partir dos ajustes propostos de forma oficial, como o despacho do MEC, que podemos também aperfeiçoar os mecanismos de controle e gestão do FIES em nossas unidades, especialmente o programa “A UNIESP Paga a sua Faculdade”.

Nesse sentido, queremos informar à nossa comunidade, parceiros e sociedade que todas as instituições seguem com suas atividades normais, sem qualquer prejuízo aos alunos e professores.

No mais breve tempo possível, encaminharemos ao MEC o atendimento de todas as solicitações da Nota Técnica nº 338/13.


Fernando Costa
Presidente da UNIESP


 
 
Siga a UNIESP Youtube-UNIESP   Google+ -UNIESP   Twitter-UNIESP   Facebook-UNIESP   TV UNIESP-UNIESP   Rádio UNIESP-UNIESP